sexta-feira, 25 de setembro de 2009

FRUIT - FRUTAS


acerola, Barbados cherry (Malpighia punicifolia) - acerola
apple (Malus) - maçã
apricot (Prunus armeniaca) - damasco
avocado (Persea americana) - abacate
banana (Musa spp.) - banana
- dwarf banana - banana nanica
- silk banana - banana-maçã
- sugar banana - banana-ouro
- lady's finger banana - banana-prata
- plantain - banana-da-terra
Barbados cherry, acerola (Malpighia punicifolia) - acerola
bilberry (Vaccinium myrtillus) - mirtilo, uva-do-monte
blackberry (Rubus fruticosus) - amora-preta
black mulberry (Morus nigra) - amora
blueberry (Vaccinium) - vacínio
breadfruit (Artocarpus altilis) - fruta-pão
cacao (Theobroma cacao) - cacau
cantaloupe - melão rosado
cashew (Ancardium occidentale) - caju
cherimoya, chirimoya (Annona cherimolia) - cherimólia, querimólia
cherry (Prunus spp.) - cereja
coconut (Cocos nucifera) - coco
cranberry (American) (Vaccinium macrocarpon) - oxicoco
cranberry (European) (Vaccinium oxycoccus) - oxicoco
cupuacu (Theobroma grandiflorum) - cupuaçu
date (Phoenix dactylifera) - tâmara
dragon fruit (Hylocereus undatus) - pitaya
fig (Ficus carica) - figo
grape (Vitis spp.) - uva
grapefruit (Citrus paradisi) - pomelo, toranja
guava (Psidium guajava) - goiaba
hog plum (Spondias mombin) - cajá
honeydew melon - melão doce
jaboticaba (Myrciaria cauliflora) - jabuticaba
jackfruit (Artocarpus heterophyllus) - jaca
Japanese plum, loquat (Eriobotrya japonica) - ameixa-amarela
Japanese raisintree (Hovenia dulcis) - uva-do-Japão, uva-japonesa
Java plum (Syzygium cumini) - jamelão
jelly palm (Butia capitata) - butiá
kiwi fruit (Actinidia deliciosa) - kiwi
kumquat, cumquat (Fortunella margarita) - cunquate
lemon (Citrus limon) - limão-siciliano
lime (Citrus aurantifolia) - limão-taiti, lima-ácida
loquat, Japanese plum (Eriobotrya japonica) - ameixa-amarela
mango (Mangifera indica) - manga
melon (Cucumis melo) - melão
navel orange (Citrus sinensis) - laranja-baía, laranja-de-umbigo
nectarine (Prunus persica ssp nucipersica) - nectarina
orange (Citrus) - laranja
papaya (Carica papaya) - mamão papaia
passion fruit (Passiflora edulis) - maracujá
pawpaw (Asimina triloba) - asimina
peach (Prunus persica) - pêssego
persimmon (Diospyros) - caqui
pineapple (Ananas comosus) - abacaxi
plum (Prunus domestica) - ameixa
pomegranate (Punica granatum) - romã
quince (Cydonia oblonga) - marmelo
raspberry (Rubus idaeus) - framboesa
red mombin (Spondias purpurea) - serigüela
rose apple (Syzygium jambos) - jambo, jambo-rosa
sapodilla (Manilkara zapota L.) - sapoti
soursop (Annona muricata) - graviola
starfruit (Damasonium alisma) - carambola
strawberry (Fragaria) - morango
Surinam cherry (Eugenia uniflora) - pitanga
sweet lime (Citrus limettioides) - lima
sweetsop (Annona squamosa) - fruta-do-conde
tamarind (Tamarindus indica) - tamarindo
tangerine (Citrus reticulata) - tangerina, bergamota, mexerica
watermelon (Citrullus lanatus) - melancia

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

QUINOA


PROPRIEDADES NUTRICIONAIS

A quinoa foi escolhida pela Nasa por ser uma ótima fonte de proteínas de

alto valor biológico e fornecer todos os aminoácidos essenciais necessários para a

formação de enzimas e de massa muscular e para todo o funcionamento orgânico.

Os aminoácidos essenciais não são produzidos pelo organismo humano e, por

isso, é preciso buscá-los na comida. As principais fontes são os alimentos de

origem animal. 'Como tem uma quantidade muito grande de proteínas e todos os

aminoácidos essenciais, além de ser rica em ferro e zinco, a quinoa é de especial

interesse para o vegetariano. Aquinoa ainda fornece magnésio, potássio,

manganês, vitaminas B1, B2, B3, D e E. Para completar, é um alimento rico em

fibras também bastante calórico 100 gramas correspondem a 450 calorias.

O amaranto possui grande potencial nutritivo. A semente possui cerca de

15% de proteínas, que tem uma qualidade biológica comparável à do leite e

superior a de outros vegetais, como a soja e o feijão. O amaranto também é rico

em fibras e pode ser utilizado como fonte de zinco, fósforo e cálcio, elemento

pouco encontrado em vegetais. Experiências realizadas com coelhos de

laboratório na FSP, que tiveram seu colesterol aumentado por uma dieta,

demonstraram a capacidade do amaranto em reduzir os níveis plasmáticos de

colesterol. O amaranto é um arbusto que pode atingir até 2 metros de altura, com

folhas grandes e panículas (tufos semelhantes às espigas) que concentram as

sementes. "As folhas podem ser cozidas como a couve". Para a produção de

farinha, é necessário extrair das sementes o óleo, que tem altos níveis de ácidos

graxos insaturados e também poderia ser usado na alimentação.

INDICAÇÕES:

Não há restrições para o consumo daquinoa e amaranto, mas o público-

alvo são os portadores de doença celíaca (intolerância a alimentos à base de trigo,

centeio, cevada e aveia), já que ela é totalmente isenta de glúten e ainda possui

outras características como proteína de qualidade, em quantidade superior à dos

cereais; amido com grânulos pequenos, que facilitam a produção de alimentos

congelados; fração de gorduras que auxiliam na redução do colesterol; vitaminas

(em especial a E) e minerais, como o cálcio, o magnésio, o manganês e o ferro em

quantidades que superam com vantagem os cereais. Assim, eles estarão

incorporando opções para diversificar os alimentos e aumentando as chances de

levar uma vida normal. Certamente, os que sofrem dessa enfermidade genética

passarão, ao longo do tempo, a perceber os demais benefícios de seu uso. Os

atletas devem ingeri-la antes e depois das provas, pois a quinoacontém ômega 3

e ômega 6, auxiliares no armazenamento de glicogênio nos músculos; as

crianças, como alternativa ao leite de vaca; e os idosos, porque se trata de um

alimento rico em lisina, aminoácido que ajuda a fortalecer a imunidade e amelhorar a memória.

 
Related Posts with Thumbnails